segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

"Eterno Retorno"

"Eu escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém, provavelmente a minha própria vida" (CLARICE LISPECTOR)

6 comentários:

Everaldo Ygor disse...

Depois de uma breve ausência/ reforma interna e externa, estamos de volta... Com o Azul do Mar ou do Céu ao fundo, mais fotos e pequenas alterações...
Já passamos dos 10.000 acessos, agradeço a todos pelas visitas e contribuições e divulgação de meu trabalho poético...
Abraços
Em Beijo!
Everaldo Ygor

MaxReinert disse...

Rapaz.... salvar a própria vida é o mínimo que posso dizer de escrever!!!!

Cada vez mais, angústia e salvação!

Bem vindo de volta!!!!

Tati disse...

Eu sou devota à essa mulher!!!

Fênix Dualista disse...

eu escrevo por esse mesmo motivo, nossa, e como me salva...

Isáh disse...

jah havia lido esse poema
mas é lindo

Aline disse...

Adoro Clarice!
o ar misterioso dela é demais!

entre no meu se kiser =]

http://www.aline-liih.blogspot.com/

beijoos